Conheça a importância de desenvolver o habito da oração com toda família!

hábito da oração
7 minutos para ler

Desenvolver o hábito da oração em família é essencial para reforçar os valores cristãos. Afinal, além de fortalecer os laços entre pais e filhos, também nos torna mais próximos do nosso Pai. Isso ocorre porque não há relacionamento sem conversa. O Criador conversa conosco por meio das Escrituras, nos guia pelo caminho certo e nos ampara nos momentos difíceis.

Por meio das preces, entendemos quanto somos amados e dependentes do Senhor. Também entendemos que só Ele é o caminho, a verdade e a vida. Aliás, Jesus, mesmo com tantas atividades, reservava um tempo para orar. Ele se dedicou muito a essa prática e, ainda, ensinou os discípulos a fazerem o mesmo.

Então, devemos seguir também esse ensinamento. No entanto, com tantos afazeres no dia a dia, muitas vezes é difícil arranjar tempo para manter uma rotina de orações, principalmente quando cada membro da família tem seus horários particulares.

Por esse motivo, separamos dicas que ajudarão você e a sua família a desenvolverem o hábito da oração mesmo com uma rotina cheia. Acompanhe!

Por que orar diariamente em família?

A evangelização começa dentro da nossa casa. Isso porque a família é a nossa base, é uma instituição sagrada. Aliás, quando Deus criou o homem, viu que não era bom que ele ficasse sozinho. Assim, lhe deu uma companheira e logo em seguida formaram uma família.

Além disso, a Bíblia está recheada de ensinamentos sobre a importância do núcleo familiar e da responsabilidade dos pais na evangelização dos filhos.

Por exemplo, podemos ver em Deuteronômio 6:6-7:

Que todas estas palavras que hoje lhe ordeno estejam em seu coração. Ensine-as com persistência a seus filhos. Converse sobre elas quando estiver sentado em casa, quando estiver andando pelo caminho, quando se deitar e quanto se levantar.”

Também, em Provérbios 22:6:

Instrua a criança segundo os objetivos que você tem para ela, e mesmo com o passar dos anos não se desviará deles.”

Do mesmo modo, o apóstolo Paulo, em uma das Cartas aos Romanos (12:12), nos recomenda perseverar na oração. Ou seja, devemos orar sempre, não apenas nos momentos de aflição.

Criar o hábito da oração em família faz com que os filhos cresçam de acordo com os valores cristãos, com que saibam desde pequenos qual é o caminho correto. Também, favorece a união, nos fortalece para enfrentar qualquer tribulação e, ainda, cria laços íntimos com o nosso Pai.

Portanto, uma família que ora unida e sempre, permanece firme diante de qualquer situação, tem seu lar abençoado e seus filhos guiados sob os mesmos princípios, fazendo sempre a vontade de Deus.

Mas como criar o hábito da oração?

Como comentamos, sabemos que atualmente as famílias têm uma rotina cheia de afazeres e que muitas vezes cada um tem um horário próprio. Porém, mesmo assim, é possível desenvolver o hábito da oração. Aliás, como vimos, isso é essencial para que a família permaneça unida de acordo com os ensinamentos.

Além disso, muitas vezes passamos por tempos difíceis, nos sentimos cansados e, até mesmo, desanimados. Se nos rendermos, quebramos o costume de orar. Por isso, é preciso manter uma disciplina mesmo nesses períodos.

Aliás, somente com a prática constante é que um hábito é criado. A seguir, veja dicas valiosas que ajudarão você e sua família a terem uma vida de oração.

Conversem sobre a importância desse momento

O primeiro passo para desenvolver o hábito da oração em família é reunir todos e conversar sobre o assunto. Juntos, procurem o que a Bíblia fala sobre a importância da oração e da união da família. Permita que cada um expresse seus pensamentos sobre o tema.

Além de ser o ponto de partida para criar esse novo hábito, também é uma forma de passarem um tempo de qualidade juntos, fortalecendo os laços e criando memórias afetivas para toda a vida.

Definam um horário

Da mesma forma que planejamos um horário para todas as atividades do dia a dia, como trabalhar, levar os filhos ao colégio e fazer as refeições, também é preciso determinar um horário para as orações em família. Afinal, trata-se de um compromisso importante e, como tal, deve ter um espaço na agenda.

Caso contrário, realizamos todas as tarefas do dia e, quando menos percebemos, o dia terminou e não conseguimos reunir a família toda para orar juntos. Então, combinem um horário que seja bom para todos e no qual não sejam interrompidos.

Além disso, tratem esse afazer como inegociável. Ou seja, não deixem para outro horário ou apenas para quando sobrar um tempinho no dia.

Façam orações durante o dia

Além de separar um horário para a oração e para um estudo mais aprofundado sobre o Evangelho, também é importante fazer orações ao longo do dia. Por exemplo, orem juntos e ensine as crianças a orar antes das refeições, agradecendo pelo pão de cada dia e pela oportunidade de ter uma família reunida à mesa.

Também, logo ao acordarem, agradecendo pela noite bem-dormida em um teto confortável e seguro. Do mesmo modo, antes de dormir, agradecendo pela presença de Deus em todos os segundos do dia e pedindo para que Ele abençoe a noite que se inicia.

Não deixem de orar por nenhum motivo

Muitas vezes, passamos por períodos de tribulação. Além disso, podem haver desentendimentos entre a família. Mas não deixem que isso interrompa o hábito da oração. Aliás, são nesses momentos que precisamos ainda mais da presença de Deus em nosso lar.

Combinem de orar sempre, mesmo nesses momentos, independentemente do que tenha ocorrido. Não abram espaço para o mal. Não se esqueçam de que basta uma pequena brecha para que o mal entre e se instale. Então, orem e vigiem sempre.

Utilizem os materiais adequados

A Bíblia é a fonte de todos os ensinamentos do Pai e, por isso, jamais deve ser deixada de lado. No entanto, principalmente quando se tem filhos, é interessante utilizar outros materiais para tornar o momento ainda mais lúdico, envolvente e fácil de entender.

Sendo assim, vocês podem utilizar vídeos, músicas, aplicativos e livros sobre o Evangelho. Os livros em particular são uma ótima ideia, pois além de ensinar aos filhos sobre a caminhada cristã, ainda estimulam o hábito da leitura nos pequenos.

Portanto, o hábito de orar deve ser uma prioridade na família. Tudo o que temos e tudo o que somos nos foi dado de graça e por amor. Somente Deus sabe o que é melhor para nós, somente Ele é o caminho. Assim, é fundamental desenvolvermos o devocional como um costume para sabermos por onde andar e como proceder em tudo.

Além de estimular esse comportamento em casa, também é preciso que os pequenos aprendam os valores cristãos na escola. Então, entre em contato conosco e saiba como o Colégio Batista Brasileiro pode ajudar na criação dos seus filhos.

Sharing is caring!

Você também pode gostar

Deixe um comentário